sexta-feira, 5 de setembro de 2008

Toda A Verdade Sobre o Super Mário


A vida deste herói não é tão clara como parece. Na verdade Mário, ou o Super Mário para muitos, esconde terríveis evidencias sobre a sua vida.
Analisando os factos chega-se a uma conclusão rápida. Ele vinha de classes mais desfavorecidas. É inegável que ele era canalizador e amigo de italianos como o Luigi. Oriundo de um bairro italiano pobre ele nunca conseguiu esconder as suas origens. A sua linguagem de calão como tratar os seus amigos por Bros(“do inglês brothers misturado com gíria de bairro”) demonstra bem isso.
Outro facto, para quem analisa com mais cuidado, é que ele era toxicodependente. Para provar isso basta reparar que ele consumia cogumelos mágicos(que o faziam crescer, na sua mente como é óbvio) e comia papoilas que o faziam pensar que largava bolas de fogo.
Obviamente Mário também pensava que batendo em muros com a cabeça poderia encontrar moedas. O que não sabia provavelmente é que esse acto era provavelmente um assalto a bancos e ele com a “pedrada” em que estava pensava que eram moedas dentro de muros. Acontece...
Na verdade Mário não é nenhum herói. Mas sim um drogado em estado alucinogénico que penava, tanto ele próprio como os seus amigos (incluindo os imaginários como o cogumelo com que fala), que estava a viver aventuras fantásticas.
Acredito sinceramente que ele estava nesse estado porque estava apaixonado por uma jovem da alta sociedade, a “princesa”, e esta não lhe ligava nenhuma.
Outro facto incontornável é que a última pessoa que foi apelidada de Super Mário, Jardel, também está viciado em drogas( está limpo à 3 meses segundo ele).

4 comentários:

Thea disse...

«Outro facto incontornável é que a última pessoa que foi apelidada de Super Mário, Jardel, também está viciado em drogas( está limpo à 3 meses segundo ele)»

Segundo ele! lol

caneta.bic disse...

Entre um Super mario ou um ouriço agarrado aos drunf's e á coca (conhecido como SONIC) venha o diabo e escolha.

Pedro /pnrf disse...

ora aí está uma bela historia, e eu não a conhecia bem assim, agora já me sinto mais culto hehe
no entanto, acho que prefiro saber a história do popeye, não queres conta-la no proximo post ??

Marina Almeida disse...

hoje em dia é isto que se dá ás crianças...jogos só de violencia e droga! ta tudo perdido XD